Catálogo de Livros

Ao público sincero e imparcial

Marcelo Cheche Galves

40,00

Descrição

Esta tese dedica-se ao estudo da província do Maranhão, desde a “adesão” à Revolução do Porto, em abril de 1821, até 1826, momento em que acontece a primeira festa de aclamação ao imperador. Interessa-me, especialmente, a construção de espaços públicos de representação política, materializados pela difusão de impressos, a circulação de abaixo-assinados e as reuniões políticas, agora também realizadas em praça pública, em meio a mudanças importantes na vida provincial, como o constitucionalismo português, as primeiras notícias de “separação” do Centro-Sul, a “adesão” do Maranhão ao Império, as tensões que marcaram a reorganização política provincial e o reconhecimento de um novo centro de autoridade, estabelecido no Rio de Janeiro. O objetivo principal é analisar as mediações entre a política provincial e a construção desses espaços públicos, não apenas variantes ao sabor da intensidade das querelas, mas também ingrediente poderoso na conformação dessa mesma política.